Ideac

A maturidade não precisa necessariamente ser um peso. É uma época em que, além das perdas naturais com a passagem do tempo, as pessoas podem aproveitar para resgatar sonhos, criar novos relacionamentos, escolher programas que valham a pena e aprender temas que tenham significância para elas.  Além disso, é fundamental buscar qualidade de vida física, emocional e mental. Abrir essa porta é o desejo do  IDEAC – Instituto para o  Desenvolvimento Educacional, Artístico e Científico. Criado em 1981, desde 2001  concentrou sua atuação na realização de cursos, palestras, atividades e vídeos voltados para a maturidade, com profissionais renomados e temas interessantes.

 

Seus membros e convidados realizam cursos na sede, fazem palestras em instituições e participam de vídeos sobre temas ligados ao envelhecer com qualidade. O núcleo central do IDEAC é um grupo, formado por profissionais das mais diversas áreas,    que se reúnem semanalmente, debatem textos, convidam palestrantes, trocam experiências e aprofundam assuntos que raramente fazem parte do cotidiano.

 

Pelo site do IDEAC é possível conhecer o trabalho desenvolvido, obter sugestões de leituras, problemáticas e profissionais relacionados com o envelhecimento, encontrar artigos sobre a maturidade e adquirir vídeos sobre temas como Cuidados paliativos, Fazer arte e Quem sou eu.

 

 

Missão

Acolher e favorecer trocas para quem se aproxima do IDEAC, promover o crescimento pessoal, difundir o conhecimento científico e patrocinar a arte como um dos canais que o ser humano dispõe para se expressar

e se tornar melhor. Enfim, atuar e contribuir para a qualidade de vida, valorização e respeito pelo ser humano.

O ser humano não pode viver sozinho e, principalmente na maturidade, muitos se veem  às voltas com a perda de pessoas queridas, aposentadoria, afastamento da família e amigos. Nossa missão é procurar trazer pessoas na maturidade para compartilhar suas ideias, seus projetos, seus medos e alegrias em um ambiente acolhedor e sempre em atividades ligadas ao foco do IDEAC.

 

Muita gente na maturidade, os homens em maior número, sentem dificuldade em participar de grupos e associações. No IDEAC a participação é mais livre e sempre ligada aos quatro núcleos determinados: Núcleo Reflexões, Núcleo Corpo,  Núcleo de Inclusão Digital e Núcleo de Arte.

 

Apesar de estar voltado à qualidade de vida na maturidade, o IDEAC não limita a participação de  outras faixas de público em suas atividades. Pelo contrário, a troca entre gerações é sempre bem-vinda.

 

Coordenação e Objetivos

A psicóloga Maria Celia de Abreu, coordenadora do IDEAC, explica os objetivos: “Nossa proposta é ensinar a viver com mais qualidade de vida. E isso implica, por exemplo, em treinar a musculatura pélvica para prevenir a incontinência urinária, aprender a lidar com as novas tecnologias (redes sociais, computadores, máquinas difitais e smartphones) e, o mais importante, se aceitar e buscar novos caminhos para ser feliz”.

 

Psicóloga pela Faculdade São Bento da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP), onde também completou mestrado e doutorado em Psicologia da Educação. Professora universitária por mais de 20 anos, na PUCSP e em outras escolas superiores. Psicoterapeuta de adultos. Coordenadora do IDEAC - Instituto para o Desenvolvimento Educacional, Artístico e Científico. Livros e artigos publicados nas áreas de Psicologia da Educação e de Psicologia da Maturidade, tais como: Para Ser Estudante da Meia-Idade em Diante, São Paulo: Editora Gente, 1996, Depressão e Maturidade, Brasília: Editora Plano, 2003 e coleção Encantos da Maturidade, em três volumes: Viver com Saúde, Viver Plenamente, Viver Produtivamente, Brasília: Líber Livro, 2005.